Categorias
Agenda
novembro 2016
S T Q Q S S D
« out   dez »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  
Telelista
Link´s

Arquivo para novembro, 2016

   O ser “HUMANO” vem se transformando ultimamente muito rapidamente não sei se sou eu que me vejo assim, ou é mesmo a humanidade? É só olhar pra ver.

     Mudou em todos os seguimentos sobre as coisas, a começar pelo comportamento, os “HUMANOS” nem se cumprimentam mais, se individualizaram demasiadamente e o seu maior amigo é o ZAP. Às vezes baixa a cabeça para usar na rua, passa por um amigo e nem enxerga, a transformação é invisível e através do aparelho, as apedeutas fazem até sexo virtual, são coisas para se pensar, repensar e vai morrer pensando sem entender o que chamamos de “HUMANOS”.

  DEUS fez o homem para conversar com ele, e não em pensamentos, se ele lhe deu a voz. DEUS era só, por isso criou o homem para conversar, mais ele não tem tempo o que fazer então: DEUS fica mudo, nestes tempos, os “HUMANOS” não conversam mais com ele por que esqueceram que ele era humilde e não precisavam gritar o seu nome para adorar, ele quer apenas conversar com você, e aí, inventaram, várias maneira de comunicação para expressar a sua gratidão, mais não é necessário por que ele só escuta aqueles que conversam com ele.

        Ao sentir a dor que a claridade provoca em contato com a luz esquece que a dor que é passageira. Quando se acostuma vai perceber que o mundo desvendado escraviza e mantem longe do conhecimento.

      Este mundo novo em que vivemos com tanta claridade que ofusca os olhos que ficam sem enxergar, por que os que veem não querem olhar por que já estão cegos, mesmo vivendo na claridade.

        Prefiro mergulhar mais profundamente no mundo de Sofia e pensar sobre as coisas como um ser pensante e incansável mesmo para ditar o dito que nada sei, sem saber que os outros nada sabem, mesmo com a claridade ofuscando os seus olhos, fico no meu recluso como a Águia esperando o dia de um novo renascimento, um novo velho, ou um velho novo, na minha caverna escura desvendando o impossível e pensar que um dia ao tapar os olhos, sejam retirados daqueles que não enxergam nem um palmo do seu nasal, ilumine a minha CAVERNA ESCURA e se deslumbre com a verdadeira luz que é a do CONHECIMENTO do ser, e que o ser presente possa BRILHAR como a AURORA BOREAL, trazendo luz para visitar uma caverna aonde inspire e respira o CONHECIMENTO “a priori e a posteriori”.

     “NÃO SOU DE ANTES E NEM DE HOJE! “

 

Publicidade
Visitas
Tempo